terça-feira, 23 de março de 2021

Com aval do Ministério, municípios farão força-tarefa para usar 100% de vacinas na 1ª dose



Com a recomendação do Ministério da Saúde de que as vacinas contra a Covid-19, enviadas aos estados, sejam aplicadas em sua totalidade na primeira dose, os municípios deverão fazer uma força tarefa, nos próximos oito dias, para utilizar todo o estoque e vacinar quem estiver faltando dos grupos prioritários já imunizados, até o momento.

A informação é da presidente do Conselho Estadual de Secretários Municipais de Saúde do Piauí (Cosems), Leopoldina Cipriano, que disse que teve uma conversa com o governador Wellington Dias (PT) e que os municípios deverão, em oito dias, zerar o estoque que estava sendo guardado para segunda dose.

"Vamos mobilizar os municípios para fazer 100% das vacinas que estão com os municípios, fazer força-tarefa, fretar carros extras, se for preciso, equipe extra. O que for extra para que nos próximos oito dias a gente possa usar 100% das vacinas que têm no Piauí", destacou Leopoldina Cipriano.

De acordo com o Ministério da Saúde, o uso das vacinas Coronavac, em sua totalidade nas primeiras doses só pôde ser feita, depois que houve a garantia da estabilidade de entregas semanais das remessas de vacinas, com produção nacional e matéria-prima (IFA) importada.

“Essa estratégia vai possibilitar a aceleração da vacinação dos grupos prioritários no Brasil e redução dos casos graves de covid-19”, afirma o ministério em nota, que disse ainda que até agora, essa recomendação era destinada apenas para as doses de AstraZeneca, devido ao intervalo entre a primeira e segunda aplicação.

A aplicação das duas doses, porém, deve seguir o intervalo estipulado, para completar o esquema vacinal e imunização. Para o imunizante do Butantan, deve ser respeitado o intervalo máximo de 28 dias.

Chegada de mais doses
Neste sábado (20), o estado recebeu mais 85 mil doses de vacinas contra a Covid-19, que devem ser aplicadas em 100% da população quilombola, 78% dos idosos entre 70 e 74 anos, dar continuidade a imunização dos idosos de 75 a 79 com mais 40% e 3.7 % para o grupo de trabalhadores da saúde.

Segundo a Sesapi, a Coordenação de Imunização inicia a entrega das doses às Regionais de Saúde na segunda (22).

No Piauí, 173.618 pessoas já receberam a vacina contra a Covid-19. Sendo 130.839 a primeira dose e 42.779 a segunda.

Sesapi