quinta-feira, 29 de abril de 2021

Entenda porque Eugênio Primeiro uma das figuras mais excêntricas do Piauí


O empresário Helder Eugênio, dono do portal 180graus, que se autodenominou Eugênio Primeiro, coleciona uma série de polêmicas ao longo da carreira, mas nos últimos meses, suas ações começaram a chamar mais ainda a atenção da sociedade piauiense.


Advogado por formação e conhecido por suas estratégias de marketing, Eugênio Primeiro já fez campanha para construir seu mausoléu, já dormiu com mendigos em Nova Iorque, fez o ensaio para o seu velório e, recentemente, espalhou por todo o Piauí panfletos com mensagens com tom religioso, mas o que causou espanto era uma suposta data da sua morte, marcada para o dia 23 de abril de 2021.

Até o momento ele não se manifestou oficialmente sobre as suas intenções, mas o que se tornou público é que ele estaria passando por uma crise financeira, chegando a anunciar a venda da frota de carros da empresa, entre outros equipamentos. Mas o que fez um dos homens mais ricos do Piauí tomar a atitude de um ‘eremita’?

O que se sabe é que ele está envolvido com uma ‘Ordem da Gratidão’, com distribuição de orações, ações de caridade, além de presentear pessoas com seu busto e até carne de carneiro. Um ‘exército’ tem feito a distribuição de panfletos em todo o estado, além de propaganda das orações em programas da Rede Globo. Como um homem falido teria condições de dispor estes custos? Ele estaria vendendo tudo para espalhar sua mensagem ou algum ‘benfeitor’ tem bancado as ações?

Eugênio Primeiro também é conhecido por espalhar outdoors pelo estado, hora falando bem do ex-presidente Lula, hora parabenizando o presidente Bolsonaro e até uma homenagem ao falecido ex-prefeito de Teresina Firmino Filho.

Chamou a atenção também o fato dele dar um ‘agrado’ para os pais que batizarem seus filhos de Helder Eugênio. Programas de TV do Piauí abordaram que ele estaria distribuindo enxovais e até uma mesada para os pais que encarassem a façanha.

Outras atitudes de Helder Eugênio também são discutidas, como a produção de notas de dólares com seu rosto, espalhadas em várias cidades e até a polêmica de que ele estaria pagando advogados para soltar assassinos, questão também que foi repercutida na TV.

O que Eugênio Primeiro pretende ainda é um mistério. Seria uma seita? Ou mais uma ação de marketing para aparecer? Resta aguardar os próximos episódios desta novela.


BLOG DO FLÁVIO CRISTO