quarta-feira, 11 de agosto de 2021

MUNICÍPIO DE SANTA QUITÉRIA DO MARANHÃO ASSINA TERMO DE ADESÃO AO SELO UNICEF EDIÇÃO- 2021-2024



No dia 29 de julho, a prefeita Sâmia Coelho Moreira Carvalho, em uma pequena solenidade realizada na Secretaria da Assistência Social, assinou o Termo de Adesão junto ao Selo UNICEF, para participar da nova edição 2021-2024. Com isso, o município garante à participação na edição e se compromete a assegurar os direitos de crianças e adolescentes, por meio de apoio e implementação às políticas públicas voltadas à área da infância.

Participaram do evento, além da prefeita, foi apresentados, a articuladora, a professora Lilian e o mobilizador e presidente do CMDCA, Hugo Felepy Rocha, além dos secretários, Selma Viana da Assistência Social, Ricardo Pimentel da saúde, Odair, da administração, Claudinho, do Financeiro, Adriana, representando a secretária de Educação Yara Raquel, Lena, da Secretaria de Direitos Humanos, Coordenadora do CRAS,Maria de Jesus Santos.

O Selo UNICEF é uma iniciativa para estimular e reconhecer avanços na promoção, realização e garantia dos direitos de crianças e adolescentes nos municípios. Na adesão à estratégia, a gestão municipal assume o compromisso de manter a agenda de suas políticas públicas pela infância e adolescência como prioridade, ao longo de quatro anos de atividades a metodologia e inclui o monitoramento de indicadores sociais e a implementação de ações que ajudem os municípios a cumprir a Convenção sobre os Direitos da Criança que, no Brasil, é refletida no Estatuto da Criança e do Adolescente.

Para a assistente social, Maria de Jesus, o grande desafio nesta edição diz respeito aos impactos da Covid-19, em populações mais vulneráveis. Nesse contexto de pandemia outra preocupação está relacionada na aprendizagem de crianças e adolescentes, em isolamento social há mais de 1 ano. E para os avanços é necessário a participação de toda sociedade, bem como os parceiros firmados pelo UNICEF e Governo do Estado, o Poder Judiciário, Ministério Público, Defensoria Pública, e Conselho de Direito da Criança e Adolescentes serão parceiros neste município para melhorias de seus indicadores sociais.

”O município assume o compromisso de gestão de priorizar crianças e adolescentes em suas políticas públicas e mobilizar esforços para promover seus direitos à educação, à participação social, à saúde e à proteção contra a violência”, conclui a gestora SAMIA MOREIRA.