segunda-feira, 6 de setembro de 2021

Polícia Civil elucida latrocínio de músico ocorrido em Parnaíba, litoral do Piauí

Os dois acusados já estavam presos com base nos crimes de tráfico de drogas e homicídio.O cearense Francisco Assislândio de Oliveira Sobrinho, 18 anos, autor do disparo, que vitimou o músico José Renato do Nascimento Júnior.


Atualmente encontra se preso por tráfico de drogas.


Ezequiel da Silva Santos, o Coringa, de 22 anos. Está preso pelo homicídio que vitimou o Caranguejo.


A policia civil procura outro envolvido, o receptador da motocicleta roubada.


Policia Civil emite nota:


A Polícia Civil de Parnaíba, por meio da Delegacia de Homicídios, Tráfico de Drogas e Latrocínio, concluiu as investigações referentes ao latrocínio praticado contra a vítima José Renato do Nascimento Junior, fato ocorrido na noite do dia 22/07/2021 na cidade de Parnaíba.


Na ocasião, a vítima trafegava em sua motocicleta quando em determinado momento foi abordada por dois indivíduos os quais efetuaram um disparo que atingiu seu rosto. Com o impacto do disparo, a vítima perdeu o controle da motocicleta e caiu no chão. José Renato chegou a ser socorrido ainda com vida, mas faleceu no Hospital Dirceu Arcoverde.


Os criminosos subtraíram a motocicleta da vítima e evadiram-se do local tomando rumo ignorado.


A motocicleta da vítima foi recuperada na cidade de Araioses-MA, local onde foi feita a restituição aos seus familiares.


A Policia Civil, por meio de minuciosa investigação, chegou a autoria de três criminosos, dos quais dois, de iniciais E.S. S e F.A.O.S, encontram-se presos, sendo que F.A.O.S foi o autor do disparo fatal.


Um terceiro envolvido, o qual seria o receptador e responsável por vender a motocicleta roubada, encontra-se foragido, mas a Policia Civil continua as investigações no sentido de efetuar sua prisão.


José Renato - vítima da crueldade. Foto/reprodução


Portal do Catita