segunda-feira, 11 de outubro de 2021

Faccionado Chiquinho do Coqueiro é preso com armas de fogo e moto roubada


Patrulha de serviço da Ciptur coordenada pelo tenente Jorge Sales - atendeu ocorrência por volta das 09hs da manhã de domingo(10), no bairro Coqueiro da Praia, em Luís Correia, e capturou dois facionados, ambos com revólveres calibre 38 com 17 munições intactas do mesmo calibre, além de apreender uma motocicleta com restrição de roubo/furto.

A patrulha foi comunicada de um acidente envolvendo a motocicleta em questão e um veículo com turistas, por trás de um restaurante naquela praia.

No caminho até o local, a patrulha avistou a dupla empurrando a motocicleta. Neste momento, os militares sob comando do tenente Jorge Sales viram os suspeitos dispensando dois revólveres.

Um deles foi identificado como Francisco das Chagas Guilherme, o conhecido Chiquinho do Coqueiro, que também levava uma tarrafa de pesca. O parceiro dele, um menor de 15 anos foi apreendido e levado também à central de flagrantes de Parnaíba.

Naquela distrital, o delegado plantonista, Aldely Fonteneli de Sousa autuou Francisco Guilherme nos crimes de receptação (caso da moto), porte ilegal de arma de fogo de uso permitido (por conta das armas) e corrupção de menores (por envolver adolescente em prática ilícita).

Chiquinho do Coqueiro foi enviado à Penitenciária Mista de Parnaíba. Ele contou que faz parte da facção Comando Vermelho.

No caso do menor, a informação que foi enviado para internação.




Revólveres apreendidos

Chiquinho do Coqueiro tem várias passagens pela central de flagrantes.

No dia 24 de outubro de 2018, quando havia sido preso na madrugada acusado de furto de uma TV no bairro Coqueiro da Praia, e durante o depoimento no cartório criminal, ainda algemado, furtou o celular do escrivão.

Chiquinho do Coqueiro tinha escapado da carceragem da central de flagrantes no dia 31 de outubro de 2016, sendo recapturado posteriormente.

Munições apreendidas


Motocicleta recuperada


Chiquinho do Coqueiro dando entrada na central de flagrantes sob forte escolta policial.

Porta do Catita